segunda-feira, 15 de junho de 2009

Enjoo da beleza


Não se seja bonita seja interessante
Faça-me desracionalizar com um sorriso delirante
Mas por cada grão de areia nessa terra
Torne o meu dia em algo mais relevante

Na primeira conversa você pode ser arrogante
Valerá muito a pena pela excentricidade
Mas por cada gota d’água no oceano
Seja interessante, diga um palavrão ou minta sua idade

Não seja o Sol aquecendo o Universo
Seja um universo, seja o Universo
Talvez assim te de um poema e não um único verso

Seja interessante e a verdadeira beleza chegará
Pois se eu quisesse só um beijo ou uma mulher nua
Pagaria uma qualquer numa esquina, na rua à luz da lua

3 comentários:

donnanina disse...

AMEI!!!
É ir na contra-mão do que as pessoas tem oferecido...
Só o tempo mesmo prá gente sacar algumas coisas essenciais, por exemplo: ser aquilo que somos (msm q tenhamos dúvida sobre o ser), já é uma delas.
Bjooos da Nina

Tainá ( teacher) disse...

Não sabia que, em versos, um aluno poderia se expressar.
Não sabia que a poesia freudiana poderia aparecer, mas...

Parabéns.. ótimos versos... gostei!

bjoss

EuAcaH! disse...

sei lah...

acho qeu me vi nesse texto!!
so meia assim goste de mim como sou!

sou chata mesmo e naum sou nenhuma capa de revista!!kkkkkkkkkkk

ficou muito bom Rafa.. continue assim!!

bJoOs!